Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

10 de mai de 2014

CAETÊ-REDONDO - ( Calathea rotundifolia )



Herbácea rizomatosa

CAETÊ-REDONDO - ( Calathea rotundifolia )

NOME CIENTÍFICO: Calathea rotundifolia Poepp. & Endl.

SINONÍMIA: Ischnosiphon rotundifolius.

NOME POPULAR: Caetê-redondo.

FAMÍLIA: Marantaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Brasil.

PORTE: De 20 a 30 cm de altura.

FOLHAS: Grandes, arredondadas, espessas, com faixas alternadas de coloração verde médio e tonalidade mais clara,se formam em sua base e possuem nervura central  bem definida.
 

CAETÊ-REDONDO - ( Calathea rotundifolia )


CAETÊ-REDONDO - ( Calathea rotundifolia )

FLORES: Produz inflorescência de efeito ornamental secundário.

CAULE: Acaule.

LUMINOSIDADE: Sombra, luz filtrada por árvores. Não deve receber sol nas horas mais quentes do dia das 9h00 as 17h00.

ÁGUA: Gosta de solo mantido úmido, mas não encharcado.

Nota: A falta de água irá causar o amarelamento na ponta das folhas.

CLIMA: Aprecia clima quente e úmido e não tolera frio.

PODA: Retirada de folhas e flores secas.

CULTIVO: Com taxa de crescimento moderada, deve ser cultivada em substrato rico em matéria orgânica que tenha boa drenagem.

Nota: Quando cultivada em ambientes internos o maior problema que ela encontra é falta de umidade no ar, pois deixará às margens das folhas secas, isso pode ser amenizado com a colocação de uma bandeja de escoamento, com pedras molhadas.

FERTILIZAÇÃO: Aplicar NPK, fórmula 10-10-10 de 1 a  3 colheres de sopa (conforme tamanho do vaso e planta), ao redor do caule, nunca junto a ele, incorporar levemente ao solo e regar em seguida. Deve ser feita no fim do inverno, primavera e verão.

UTILIZAÇÃO: Fica muito bonito cultivada forrações e em pequenos grupos fazendo composição com outras plantas em vasos, sempre respeitando as condições de luminosidade.

PROPAGAÇÃO: Por divisão de touceira.


FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei na R.ACOSTA PLANTAS ORNAMENTAIS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário