Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

31 de out. de 2012

Blog: MEU CANTINHO VERDE - 500 MIL VISITAS - 21 set 2012


Blog: MEU CANTINHO VERDE - 500 MIL VISITAS
Olá pessoal!

Neste momento todo especial, quando o blog atinge a marca de 500 mil visitas, gostaria de agradecer a todos que estiveram por aqui, mas em especial aos 384 seguidores.

São visitas de pessoas de 145 países do mundo, a maioria do Brasil, seguido por Portugal, Estados Unidos, Japão, Argentina, Espanha, Angola, França, Moçambique e Itália.

Estamos recebendo uma média de mais de 1.500 visitas por dia, o record foi no dia 20/10/2012, quando tivemos 1.939 visitantes.

Ainda tem muita coisa para melhorar, preciso revisar algumas postagens, colocar mais fotos, atualizar o índice, etc. Como estou com obras aqui na chácara onde moro e a internet 3G da Vivo está meia "morta", não tenho feito postagens diárias, espero logo voltar.

Um abração a todos!

Nota: Os dados são do Google Analitics

29 de out. de 2012

CACTO-MARGARIDA - ( Lampranthus productus )



Herbácea suculenta semi-rasteira.
CACTO-MARGARIDA - ( Lampranthus productus )
NOME CIENTÍFICO: Lampranthus productus.

NOME POPULAR
: Cacto-margarida.

SINONÍMIA
: Mesembryanthemum  productum.

FAMÍLIA: Aizoaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: África do Sul.

PORTE: De 10 a 25 cm de altura.

FOLHAS: Lineares, suculentas e densas, são semelhantes a planta onze-horas.
CACTO-MARGARIDA - ( Lampranthus productus ) - Deatalhe das folhas
FLORES: Formadas na primavera / verão, são brilhantes, bastante vistosas e tem coloração rosa.
CACTO-MARGARIDA - ( Lampranthus productus ) - Detalhe da flor
 LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Por ser uma suculenta, não deve ser colocada água em excesso, regar em intervalos maiores, mantendo o substrato seco entre regas. Uma vez por semana é o suficiente.

CLIMA
: Prefere clima ameno, sendo tolerante ao frio.

PODA: Não necessária.

CULTIVO: Rico em matéria orgânica, com boa drenagem. Sugestão para mistura em vasos: 2  partes de areia grossa de construção, 1 parte de terra vegetal e 1 parte de composto orgânico.

FERTILIZAÇÃO: Por ocasião da preparação do canteiro, misture bem no substrato cerca de 5 colheres de sopa de NPK, fórmula 04-14-08 por metro quadrado, 60 dias depois aplique cerca de 1 colher por planta, sempre ao redor dela, nunca junto ao caule.

UTILIZAÇÃO: Como forração, bordaduras, maciços  e vasos .

Nota: Ficará maravilhosa em cestas suspensas em que a planta ficará pendente

PROPAGAÇÃO: É feita por estacas, que devem ser feitas após o florescimento.

PREÇO: Em Holambra / SP o saquinho de muda estava sendo comercializado por R$ 0,95.
CACTO-MARGARIDA - ( Lampranthus productus ) - Mudas comercializadas

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei em Holambra / SP.

27 de out. de 2012

FLORES NATURAIS PRESERVADAS

São flores naturais, que recebem um produto químico corante em substituição a seiva natural da planta, obtendo com isso uma maior durabilidade e mantendo a aparência de uma flor natural. 

FLORES NATURAIS PRESERVADAS

VANTAGENS: As flores naturais preservadas têm as seguintes vantagens:

- São atóxicas e inodoras, podendo ser embaladas junto com produtos alimentícios, como por exemplo em cestas que contenham doces e bombons.
- Não atraem insetos e não mofam.
- Os arranjos podem ser feitos com bastante antecedência.
- Não precisam de manutenção, pois não deve ser molhada, apenas a retirada de poeira caso ocorra.

VARIEDADES: São encontradas principalmente rosas nas nas cores que vemos naturalmente, mas também nas colorações bege, marrom, preta, azul, etc.

ORIGEM: São produzidas na Colombia, pais onde esta técnica foi desenvolvida.

UTILIZAÇÃO: São utilizadas para decoração de interiores, tais como:
- Arranjo e decoração de ambientes internos, como: mesas de jantar, recepção de hotéis, clinicas, mesas de doces, vitrines de lojas, cestas ou simplismente  ofertadas de forma unitária como um belo presente.
- Buquê de noivas. (No Japão é bastante utilizado)

COMO CUIDAR: Para que se obtenha longa durabilidade e preservação de sua aparência, devem ser dispensados os seguintes cuidados:
- Não se deve colocar água, nem mesmo nas pétalas (a adição de água irá ocasionar o apodrecimento da flor).
- Nunca deve ser deixada a exposição de a luz solar direta.
- Para remover a poeira, utilizar secador de cabelos na temperatura fria e na potência baixa, mantendo certa distância para não danificar as pétalas.

DURABILIDADE: Se estiverem protegidas por vidro e em ambientes com ar condicionado podem durar até 10 anos. Mas geralmente em ambientes com uma média de 70% de umidade podem durar cerca de 2 anos.

ONDE ENCONTRAR:  Nas grandes gardens e floriculturas e sites da internet
Esse eu  recomendo:
 

22 de out. de 2012

MARIANINHA - ( Streptosolen jamesonii )



Arbusto florido
MARIANINHA - ( Streptosolen jamesonii )
NOME CIENTÍFICO: Streptosolen jamesonii.

NOME POPULAR: Marianinha, estreptosolem.

SINONÍMIA: Browallia jamesonii.

FAMÍLIA: Solanaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Colômbia e Equador.

PORTE: Até 1,5 metros de altura.

FOLHAS: De formato ovalado e sulcadas, enrugadas principalmente quando jovens.
MARIANINHA - ( Streptosolen jamesonii ) - Detalhe das folhas
FLORES: Despontam no inverno até início do verão, de coloração amarela/alaranjada.

MARIANINHA - ( Streptosolen jamesonii ) - Detalhe das flores
TRONCO: Textura semi-herbácea, ereto.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Aprecia solo ligeiramente úmido, mas nunca encharcado, regar 2 vezes por semana.

CLIMA: Aprecia clima ameno, não tolera frio intenso.

PODA: Para estimular novas brotações a poda deve ser realizada após término da florada.

CULTIVO: Aprecia solo rico em matéria orgânica. Sugestão de mistura para vasos: 1 parte de terra comum de jardim, 1 parte de terra vegetal e 2 partes  de composto orgânico

FERTILIZAÇÃO: Aplicar NPK, fórmula04-14-08, aplicar cerca de 1 a 3 colheres de sopa, convorme o tamanho da planta ou vaso, sempre ao redor do caule, nunca junto a ele, incorporar levemente ao substrato e regar em seguida.

UTILIZAÇÃO: Utilizada em maciços, bordaduras, como planta isolada e em vasos.

PROPAGAÇÃO: Por estaquia de galhos,  preparadas após o florescimento.

PREÇO: Em Holambra / SP o vaso tamanho PT24, estava sendo comercializado por R$  17,50.

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei em holambra / SP.