Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

31 de mar. de 2014

HIBISCO-BRANCO - ( Hibiscus rosa-sinensis ‘Albus’ )


HIBISCO-BRANCO - ( Hibiscus rosa-sinensis ‘Albus’ )

NOME CIENTÍFICO: Hibiscus rosa-sinensis ‘Albus’

NOME POPULAR: Hibisco-branco, mimo-de-vênus-branco.

FAMÍLIA: Malvaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Ásia tropical.

PORTE: De 3 a 4 metros.

FOLHAS:
 
HIBISCO-BRANCO - ( Hibiscus rosa-sinensis ‘Albus’ )

FLORES: Quase o ano inteiro.
 
HIBISCO-BRANCO - ( Hibiscus rosa-sinensis ‘Albus’ )
TRONCO:  De textura lenhosa.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Gosta de solo úmido, mas não encharcado, regar 2 vezes por semana.

CLIMA: Prefere clima quente, não tolera geadas.

PODA: No Brasil a época de podar para estimular novas brotações é de maio a agosto.

CULTIVO: Gosta solo arenoso com matéria orgânica.

FERTILIZAÇÃO: Aplicar NPK, fórmula 10-10-10, cerca de 1 a 5 colheres de sopa (conforme o tamanho da planta), sempre ao redor do caule, nunca junto a ele, incorporar levemente ao solo e regar em seguida.

UTILIZAÇÃO: Pode ser utilizada como maciço e cerca-viva.

PROPAGAÇÃO: Por estaquia da ponta de ramos.

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei na chácara onde moro em Mogi Mirim - SP

APROVEITAMENTO DE EMBALAGENS DE LEITE PARA PLANTIO DE MUDAS DE ÁRVORES

Olá amigos!

Embalagens de leite são ótimas para serem utilizadas para plantio de mudas de árvores.
Elas tem profundidade boa para expansão das raízes.

APROVEITAMENTO DE EMBALAGENS DE LEITE PARA PLANTIO DE MUDAS DE ÁRVORES
PREPARO:

Sempre após o consumo, lave bem a embalagem, para não deixar resíduo do produto estragar dentro dela.
Com um estilete corte a parte superior.
Faça na parte inferior cortes nas quatro quinas para drenagem da água.

Por serem de formato reto, além de terem um apoio bom, ficam lado a lado ocupando pouco espaço e facilitando a rega. 

APROVEITAMENTO DE EMBALAGENS DE LEITE


27 de mar. de 2014

ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )



São na realidade plantas pertencem ao mesmo gênero vegetal, mas correspondem a duas espécies diferentes, que são cultivadas juntas, porque se acredita, que sua presença nas residências traz a felicidade aos moradores.


ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )


NOME CIENTÍFICO: Polyscias fruticosa (Fêmea), Polyscias guilfolei (Macho).


NOME POPULAR: Árvore-da-felicidade.


FAMÍLIA: Araliaceae.



CICLO DE VIDA: Perene.



ORIGEM: Ilhas do Oceano Pacífico.



PORTE: 1,5 a 2,5 metros de altura (fêmea) e 3 a 5 metros de altura. (macho).



FOLHAS: A planta fêmea tem folhas recortadas, finas e franjadas e a masculina com folíolos grandes em forma de coração



FLORES: Geralmente não floresce quando cultivada fora de sua região de origem.



TRONCO: Semi-lenhoso.



LUMINOSIDADE: Meia-sombra.



ÁGUA: Gosta de solo mantido ligeiramente úmido, mas nunca encharcado, regar 2 vezes por semana com maior volume na época mais quente e menos na mais fria.


CLIMA: Necessita de proteção contra ventos.



PODA: Aceita ser podada.



CULTIVO: Aprecia solo areno-argiloso. Sugestão de mistura para vasos: 1 parte de composto orgânico, 1 parte de areia e 1 parte de terra comum de jardim.



FERTILIZAÇÃO: Aplicar cerca de 1 a 3 colheres de sopa de NPK (conforme tamanho do vaso), fórmula 10-10-10, sempre ao redor do caule, nunca junto a ele, incorporar levemente ao solo e regar em seguida.



UTILIZAÇÃO: Muito utilizado principalmente em vasos, mas ficam bem em renques e ao longo de muros.


PROPAGAÇÃO: Multiplica-se facilmente por estacas em qualquer época do ano.

 
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei no Veiling Market.

NOVAS FOTOS:

Variedades da planta produzidas pela R. Acosta Plantas Ornamentais

Fotografei no Viveiro de Mudas da R. Acosta

ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
ÁRVORE-DA-FELICIDADE - ( Polyscias fruticosa - Polyscias guilfolei )
 

21 de mar. de 2014

MEU CANTINHO VERDE

Olá amigos!
Com muita satisfação quero registrar que nesta data atingimos esta marca.
Agradeço a todos que visitaram.
Um abração a todos!

Plantas Ornamentais e outras informações

17 de mar. de 2014

PALMA-BRANCA - ( Opuntia pailana )


PALMA-BRANCA - (Opuntia pailana)

NOME CIENTÍFICO: Opuntia pailana.

Nota: O nome “pailana” é derivado de seu local onde foi descoberta: Sierra de la Paila - Coahuila – México.

NOME POPULAR: Palma-branca.

FAMÍLIA: Cactaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: México.

PORTE: Até 1 metro de altura.

FOLHAS: Em forma de raquete, quando novas tem coloração azul-esverdeado e depois verde-amarelado, com espinhos de 2 a 3 cm de comprimento agrupados geralmente com 3 depois 6 a 8 unidades, com longos cabelos esbranquiçados.


 
PALMA-BRANCA - (Opuntia pailana)
FLORES: De coloração amarela.

TRONCO: Ramos eretos crescente.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Suporta solo mais seco, regar 1 vez por semana com maior volume nas épocas mais quentes do ano e menor nas mais frias.

CLIMA: Prefere clima quente.

PODA: Não necessária, mas se for desejo conter crescimento, pode ser cortadas algumas palmas.

CULTIVO: Deve ser cultivada em substrato que tenha boa drenagem, pois o acumulo de água apodrece as raízes e mata a planta. Sugestão de mistura: 2 partes de areia, 1 parte de terra comum de jardim e 1 parte de terra vegetal.

FERTILIZAÇÃO: Aplicar NPK, fórmula 04-14-08, cerca de 1 a 3 colheres de sopa (conforme tamanho do vaso), sempre ao redor do caule, nunca junto a ele, incorpore levemente ao substrato e regue em seguida.

UTILIZAÇÃO: Fica maravilhosa em jardins rochosos.

PROPAGAÇÃO: Por palmas destacadas.

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei na Veiling Market.



PRODUTOR: Gerardus Olsthoorn.

PALMA-BRANCA - (Opuntia pailana)