Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

2 de fev. de 2019

PEPERÔMIA-FELPUDA, PEPEROMIA FELTED - ( Peperomia incana )


NOME CIENTÍFICO Peperomia incana.


NOME POPULAR: peperômia-felpuda, Peperomia Felted (inglês)


FAMÍLIA: Piperaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Brasil, região da Mata Atlântica.

PORTE: Seus caules rasteiros chegam atingir cerca de 60 cm de comprimento.

FOLHAS: De coloração verde-acinzentado, medindo cerca de 8 cm de comprimento, são cobertas de uma fina camada de penugem esbranquiçada que dá a ela uma textura aveludada (felpuda) daí a origem de seu nome popular.

FLORES: As inflorescências são cilíndricas, compridas e bem finas, compostas por inúmeras minúsculas flores esbranquiçadas, sem qualquer valor ornamental, surgem principalmente no verão.

TRONCO: Caules espessos e suculentos de hábito rasteiro.

LUMINOSIDADE: Meia-sombra, sombra.

Nota: Aprecia claridade, mas não suporta luz solar nas horas mais quentes do dia (das 10h00 as 17h00).

ÁGUA: Gosta de solo úmido, mas não encharcado, regue sempre que que a camada superior do substrato estiver seca (cerca de 3-5 cm), use um volume maior de água no verão e menos no inverno.

CLIMA: Aprecia clima quente e úmido e até tolera algum frio desde que não seja intenso com geadas.

PODA: Não necessária, apenas a retirada de folhas secas.

Nota: Se for desejo reduzir o tamanho da planta, a mesma pode ser cortada e aproveitada as pontas dos ramos para formação de mudas.

CULTIVO: O solo deve ser rico em matéria orgânica, bem solto, mantido úmido, mas deve ter boa drenagem.

FERTILIZAÇÃO: Na preparação do solo ou substrato misture composto orgânico, depois aplique NPK 04-14-08, incorporando com cuidado ao substrato para não danificar as raízes, mas sempre longe do caule.

UTILIZAÇÃO: Fica muito bonita em vasos em ambientes internos e varandas, em locais externos como forração na sombra de árvores e fazendo composição com outras plantas desde que não sofram pisoteio.

PROPAGAÇÃO: A forma mais fácil é por estaquia da ponta dos caules, mas também pode ser feita por sementes e por estaca de folha.

FOTOS DESTA POSTAGEM:

Nenhum comentário:

Postar um comentário