Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

29 de jan. de 2019

ESPADA-DO-HAVAÍ - ( Argyroxiphium sandwicense )

Photo courtesy of Kelly Griffin. Copyright Kelly Griffin. Photo taken on Maui.

NOME CIENTÍFICO:  Argyroxiphium sandwicense 

Nota: Existem duas subespécies:
• O silversword de Haleakala ( Argyroxiphium sandwicense subsp. Macrocephalum ) é encontrado na montanha Haleakalā na ilha de Maui em altitudes acima de 2.100 metros.
 • Mauna Kea silversword ( sandwicense subsp. Sandwicense ) é encontrado na montanha Mauna Kea na Ilha Grande em altitudes acima de 2.600 metros.

NOME POPULAR: espada-do-havaí,


FAMÍLIA: Asteraceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Havaí.

PORTE: Cerca de 0,60 metro, a haste floral chega atingir 3 metros de altura

FOLHAS: Crescem em forma de roseta junto ao solo, medem de 15-40 cm de comprimento e 0,5-1,5 cm de largura, tem a forma de uma espada (por essa razão recebeu o nome popular), são bem rígidas, pontiagudas, estreitas e cobertas de pelos sedosos de coloração prateada que protege a planta da radiação UV.

Nota: As folhas refletem os raios solares e o formato da folha ajuda a prevenir a perda de umidade bem como protege a parte central da planta da predação.

FLORES: A inflorescência bem alta começa a crescer a partir do centro da roseta de folhas e atinge cerca 3 metros de altura, por 75 cm de largura. É formada por uma numerosa quantidade de flores, de 50 a 600

Nota: Cada planta floresce apenas uma vez em sua vida, o que pode levar de 20 a mais de 50 anos, acontece de julho a outubro. Para produzir esta imensa haste floral com sementes para perpetuação da espécie, a planta gasta muita energia, depois que as sementes amadurecem a planta morre

FRUTOS: É um aquênio (fruto seco) de 7-15 mm de comprimento.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Necessita de solo que tenha um pouco de umidade.

CLIMA: Apesar de estar na região de clima tropical, o local onde a planta é nativa, tem mais de 2.000 metros de altura com temperaturas bem baixas.

CULTIVO: É uma planta que corre sério risco de extinção, pois prospera em superfícies de cascalho, com grande altitude e umidade, além disso, esses locais devem ser protegidos de animais, principalmente cabras.

Nota: Especialistas estão tentando resolver essa situação, mas ainda encontram problemas com polinização, produção de sementes, germinação e sobrevivência das mudas.

PROPAGAÇÃO: Por sementes.

FOTOS DESTA POSTAGEM:

Nenhum comentário:

Postar um comentário