Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

21 de jan de 2019

JACINTO-DOS-CAMPOS, SPANISH BLUEBELL - ( Hyacinthoides hispanica )


NOME CIENTÍFICOHyacinthoides hispanica. 


NOME POPULAR: jacinto-dos-campos, sinos-azuis-espanhóis, spanish bluebell.


FAMÍLIA: Asparagaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Espanha, Portugal. (Península Ibérica) e noroeste da África.

PORTE: Até 50 cm de altura.

FOLHAS: Formada por um tufo de duas a seis folhas, que chegam atingir até 0,5 metro, são longas, estreitas, arqueadas, suculentas e nascem a partir da base.

FLORES: Uma longa haste floral desponta na primavera diretamente do bulbo, a inflorescência reúne em sua extremidade cerca de 20 flores, com formato de sino.

Nota: Existe diversas cultivares com flores de tonalidades diversas

FRUTOS: São cápsulas que quando maduras se abrem e liberam sementes de coloração negra.

LUMINOSIDADE: Aprecia sol filtrado por árvores, mas pode ser cultivada a meia-sombra, sol pleno e tolera condições de sombra com bastante claridade.

ÁGUA: Gosta de solo úmido, com boa drenagem, mas não encharcado.

Nota: A planta precisa entrar em dormência, ocasião em que as regas deverão ser diminuídas e depois interrompidas.

CLIMA: Aprecia clima temperado quente e subtropical árido.

PODA: Por ser uma planta que se propaga também por sementes ao serem dispersas, dando origem a novas plantas, se for desejo, que não se alastrem, essas novas brotações devem ser retiradas.

CULTIVO: Gosta de solo arenoso, rico em matéria orgânica.

Nota: A planta precisa entrar em dormência, ocasião que toda parte aérea seca, nos locais de origem isso acontece no verão, que é a época que praticamente não chove, não tenho ainda informação de como seria o comportamento dela aqui no hemisfério sul, onde a maioria dos bulbos entra em dormência no inverno.

FERTILIZAÇÃO: Por ocasião do plantio misturar na terra composto orgânico ou NPK 04-14-08 sempre ao redor do bulbo nunca junto a ele.

UTILIZAÇÃO: Ficam maravilhosas em maciços, bordaduras e embaixo de árvores, desde que não ocorra pisoteio.

PROPAGAÇÃO: É feita por sementes e pela separação dos bulbilhos que nascem juntos ao bulbo-mãe.

PLANTA TÓXICA: Todas as partes da planta são tóxicas, portanto quem tem crianças pequenas e animais domésticos deve ter cuidados especiais.

PRAGAS E DOENÇAS: É resistente ao ataque de insetos, não ocorrendo problemas mais sérios.


Nenhum comentário:

Postar um comentário