Atenção leitores

Não trabalho com venda de plantas e não envio sementes.
COMENTÁRIOS - Peço desculpa. Infelizmente não estou conseguindo responder os comentários no tempo devido, na medida do possível vou fazendo
Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

FEEDBACK - Agradeço o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que tenho escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

12 de jan de 2019

CANANGA-DO-JAPÃO, FLOR-DA-RESSURREIÇÃO - ( Kaempferia rotunda )


Herbácea rizomatosa.

NOME CIENTÍFICOKaempferia rotunda.

NOME POPULAR: cananga-do-japão, flor-da-ressurreição, flor-da-terra, lírio-misterioso, ilang-ilang-da-terra.

FAMÍLIA: Zingiberaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Ásia.

PORTE: Até 60 cm de altura.

FOLHAS: São grandes, chegando a medir cerca de até 25 cm de comprimento, tem coloração verde meio acinzentado com manchas bem regulares com tonalidade de verde mais escuro, na parte de baixo da folha apresenta coloração bronze a rocha.

FLORES: São parecidas com flores de orquídea, perfumadas, despontam na primavera e brotam diretamente do rizoma, por essa razão recebeu o nome popular de flor-da-ressurreição, a durabilidade é curta (cerca de 3 dias), mas durante pelo menos 1 mês haverá o surgimento de novas flores.

Nota: Flores e folhas nunca são vistas juntas, quando termina a florada, surgem às folhas.

TRONCO: São rizomas (tipo de caule subterrâneo).

LUMINOSIDADE: Meia-sombra.

Nota: Não deve receber sol pleno nas horas mais quentes do dia, em torno das 10h00 as 16h00.

ÁGUA: O solo deve ser mantido úmido, mas não encharcado: água em excesso apodrece os rizomas e a planta morre.

Nota: Durante a dormência da planta no inverno as regas devem ser suspensas.

CLIMA: Tropical ou subtropical.

PODA: Não necessária, apenas a retirada de flores e folhas secas.

CULTIVO: Aprecia solo rico em matéria orgânica e que tenha boa drenagem.

Nota: A partir do fim do outono e durante todo inverno a planta entra em dormência, toda parte acima do solo seca, por essa razão é importante marcar que no local existe a planta. Na primavera a planta irá “acordar” e brotar lindas flores.

FERTILIZAÇÃO: Durante o período vegetativo usar farinha de osso ou NPK 04-14-08 de 1 a 3 colheres de sopa (conforme tamanho da planta), sempre ao redor da brotação nunca junto a ela.

UTILIZAÇÃO: Fica espetacular em vasos baixos, jardineiras e canteiros com boa drenagem.

PROPAGAÇÃO: A maneira mais fácil é através da divisão de touceiras, mas também pode ser feita por sementes.

PLANTA MEDICINAL: Os rizomas tem propriedades medicinais, sendo utilizados no tratamento da pele.

PREÇO:

FOTOS DESTA POSTAGEM:

Nenhum comentário:

Postar um comentário